Início » Blog » O que é Assessment, quais os benefícios e como aplicar na sua empresa

O que é Assessment, quais os benefícios e como aplicar na sua empresa

Você sabia que Assessment é uma ferramenta muito utilizada pelas empresas na gestão de pessoas atualmente?

Cada vez mais as empresas têm se conscientizado sobre a importância do capital humano para seu funcionamento pleno e produtivo. Já que, sem um time potencializado e alinhado, um negócio pode ter bastante problema para seu crescimento. Por essa razão, entende-se que é de extrema importância conhecer seus colaboradores para direcioná-los ao seu máximo potencial. 

É neste momento que entra a ferramenta de Assessment, a fim de ajudar o setor de Recursos Humanos e os gestores de uma organização a conhecer profundamente o seu time e tomar decisões que busquem a alta performance.

Então, confira este post para entender o que é Assessment e como funciona sua aplicação nas empresas. Aqui, também serão apresentados seus principais benefícios e métodos para você saber como essa ferramenta vai encaixar na sua organização. Continue a leitura!

O que é Assessment?

Na tradução, “assessment” significa avaliação. De fato, o Assessment passa por um processo de avaliação, mas não é só isso.

Na verdade, é uma ferramenta utilizada no campo de gestão de pessoas para a identificação e análise das tendências comportamentais dos seus colaboradores e suas noções de desempenho. Logo, é um instrumento para conhecer melhor o seu time, para assim produzir uma avaliação constante e com uma base sólida sobre: o comportamento, a produtividade e a compatibilidade entre o profissional e a empresa.

Nesse sentido, entende-se que o Assessment é uma ferramenta que complementa e baseia as ações do RH, trazendo um trabalho técnico de diagnóstico e acompanhamento das soft skills dos profissionais e a dinâmica da empresa.

Como funciona o processo de Assessment em uma empresa?

O Assessment, por ser um processo de conhecer profundamente o perfil e personalidade dos colaboradores, deve ser de responsabilidade do setor de Recursos Humanos. Sugere-se que a ferramenta e seus desdobramentos tenham um grupo específico que se encarregue dela, devido a sua posição estratégica para a gestão de pessoas e para a otimização do trabalho do RH.

Normalmente, a ferramenta de Assessment se constrói a partir de um teste ou questionário, com poucas perguntas, que direciona o mapeamento do comportamento, performance e potencial de cada colaborador ou candidato.

Depois deste pequeno teste, de aproximadamente 8 minutos, o processo continua a partir de uma coleta de dados e um relatório que identificará, definirá e ajudará na compreensão da capacidade dos profissionais — além de suas limitações e suas projeções. 

Após a análise, o RH também se faz responsável pela proposição de mudanças, manutenções e novas políticas na empresa que potencializarão as características observadas e melhorarão lacunas e possíveis erros anteriores.

Quando pode ser utilizado?

A prática do Assessment pode ser adotada como uma política fixa nas empresas, como uma tarefa cotidiana do setor de RH. Mas é importante compreender qual o melhor método e a melhor ferramenta a ser implantada em cada situação.

Este instrumento representa uma coleta e uma análise de dados que serão a base para novas políticas, soluções e atividades. Normalmente, é aplicado em empresas de médio porte — nas de pequeno porte, em situações pontuais. Entretanto, empresas de pequeno porte também podem se beneficiar dessa ferramenta para projetar o desenvolvimento de seus colaboradores.

O Assessment deve ser utilizado quando a empresa localizar objetivos voltados a melhorias do seu time, por meio de ações na área de gestão de pessoas. Nesse sentido, recomenda-se o uso dessa ferramenta em estratégias e atividades como:

  • Avaliação das condições de trabalho e da sua compatibilidade com a demanda do time;
  • Desenvolvimento de sistemas de informação no setor de RH;
  • Avaliação de desempenho e de produtividade;
  • Atração, gestão e retenção de talentos;
  • Planejamento de carreira;
  • Processo de Recrutamento e Seleção;
  • Reformas internas: diagnóstico e proposição de soluções;
  • Desenvolvimento e treinamento de colaboradores.

Benefícios de um Assessment eficiente

Conhecer profundamente seu time e colaboradores é nitidamente uma ação positiva para um negócio. Contudo, os benefícios da aplicação de Assessment vão muito além do óbvio, pois reflete resultados em outras áreas:

  • Avaliação de desempenho mais eficiente e coerente com as expectativas da empresa e a capacidade dos funcionários;
  • Identificação dos pontos fortes de um colaborador, para serem potencializados, e dos pontos fracos, para serem melhorados;
  • Construção do autoconhecimento pelos colaboradores;
  • Elaboração de Planos de Carreira, mais coerentes e eficientes para o profissional e para a empresa;
  • Construção de um clima organizacional saudável e positivo no dia a dia da organização;
  • Retenção de talentos;
  • Valorização dos colaboradores e a criação de um sentimento de pertencimento e acolhimento;
  • Diminuição da subutilização de funcionários;
  • Aumento do engajamento e da motivação;
  • Otimização de processos operacionais na área de RH e em outras atividades;
  • Maior produtividade e desempenho.

Como aplicar o Assessment na empresa?

Não existe um caminho único, nem certo, para a prática de Assessment nas empresas. Na verdade, é importante que você reconheça a demanda e o objetivo da sua organização  para aplicá-la da maneira mais coerente e eficiente possível no seu caso.

Para tanto, é preciso avaliar o tipo de alcance da atividade, o tamanho da equipe, o prazo para a implementação das políticas e as informações que se está procurando coletar. Existem vários tipos de testes e sistemas para a construção de uma política de Assessment, logo, é preciso reconhecer os melhores métodos e estratégias para cada situação. 

Lembrando que mais que um teste, é necessária a construção de uma cultura de análise de dados no seu RH, pois qualquer ferramenta adotada não vai trazer respostas prontas. Portanto, demanda a análise e estratégias da gestão de pessoas.

Quais os melhores métodos?

Assessment Pessoal

Esse tipo de processo tem como objetivo traçar características intelectuais e de personalidade que vão indicar a compatibilidade do talento e da posição que ele ocupa. Dessa forma, realiza-se um balanço entre o talento e sua função.

Assessment Cultural

O Assessment Cultural traz um processo de avaliar o alinhamento de ideias entre profissional e a empresa. Para tanto, aprofunda-se nos processos motivacionais e emocionais do funcionário e na estrutura da empresa, ou seja, avalia-se a reciprocidade.

Assessment para Desempenho

Este processo é responsável por buscar dados básicos para entender a capacidade produtiva e técnica dos profissionais, porém sem considerar as questões pessoais. Por essa limitação, algumas perguntas não conseguem ser respondidas, como as razões da falta de produtividade. Logo, não é uma metodologia completa.

Coaching Assessment

O Coaching Assessment apresenta um passo a mais: o processo de treinamento dos funcionários. A partir da identificação das características deles, o RH proporciona treinamentos e novas políticas para minimizar pontos fracos e potencializar os fortes das suas tendências comportamentais e técnicas.

Quais as melhores ferramentas de Assessment?

Os métodos podem utilizar ferramentas diferentes para conseguirem concretizar os objetivos aqui apresentados. Normalmente, é possível usar o método tradicional, questionários em papel e caneta ou, a partir de tecnologia, questionários online, dados em tabela e dashboards.

Dentre algumas ferramentas, apresenta-se:

  • DISC: Avaliação de perfil em quatro conceitos: D (dominância),  I (influência),  E (estabilidade),  C (cautela);
  • Avaliação de inteligência emocional: Avaliação de tendências comportamentais e motivacionais;
  • Avaliação de competências: Avaliação de expectativas de carreira e competências de desempenho.

Conclusão

Depois dessas explicações, é possível compreender a importância do Assessment para a gestão de pessoas e, consequentemente, para a gestão de desempenho e de produtividade em uma empresa.

O Assessment é, hoje, uma ferramenta essencial para o conhecimento pleno da empresa sobre os seus funcionários e para que ações e práticas coerentes com as pessoas sejam tomadas. Produtividade e crescimento estão ligados diretamente à valorização do capital humano. Portanto, fique atento aos métodos e estratégias que envolvem esse processo!

Este artigo foi escrito pelo RH Portal.

Tópicos

Compartilhe

Este artigo foi feito por

Artigos recentes